segunda-feira, 22 de março de 2010

Operação de Risco, uma boa ação de comunicação

Meus caros, do ponto de vista jornalístico o programa Operação de Risco da RedeTV! pode ser considerado interessante. Mas acho que a produção perde um pouco do brilho quando passa uma linguagem um tanto institucional. Na verdade, Operação de Risco é uma ação de comunicação do Governo do Estado de São Paulo. Disfarçado de reality show, o programa pretende mostrar que a Polícia Militar paulista está sempre presente e se mantém a postos ante ao caos social predominante de uma grande cidade. É o estado se mostrando presente e alerta. Ou então, isso faz parte de uma campanha subliminar do “simpático” José Serra rumo ao Planalto. E aí Cabral, para não ficar atrás, será que você não pode produzir uma TV UPP?




2 comentários:

Anônimo disse...

Oi.
Achei seu comentário bastante tendencioso. Aposto que você não assistiu nem um inteiro. Eu não perco um e acho o programa muito bom. E eles não ficam falando bem do governo como você diz.
Sugestão: assista tudo primeiro.

André Lobão disse...

Caro anônimo,
Esse tipo de programa faz muito sucesso no EUA. Aqui no Brasil este modelo é uma novidade na televisão. Tem até uma boa estética e direção. Lá como aqui a segurança pública vive uma crise de credibilidade, principalmente em estados como Califórnia e Illinois.Grandes cidades como Los Angeles e Chigado vivem o terror das gangs, da mesma forma que Rio e São Paulo. Quero ainda dizer que para se falar bem de um governo ou mal dele, não há necessidade de se adotar um discurso direto. Em estudos de comunicação a mensagem subliminar, ou seja o discurso indireto já virou até teoria. Ela se faz muito presente em ações de Merchandising. Também através da semiótica podemos estudar essa prática. Portanto meu caro anônimo,quero reafirmar que existe realmente uma intenção de cooptação de corações e mentes a partir desta produção televisiva. Se te interessar recomendo o seguinte texto:
Teoria da Comunicação Subliminar. Trajetória e questões contemporâneas da publicidade brasileira; org. por J. B. Pinho. São Paulo, Intercom, 1995. p.147-161.

Um abraço meu amigo e não se deixe enganar!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...